Site Docente
EVELYN CRISTINE MOREIRA SOARES
Departamento de Artes e Arquitetura

 

 


Publicações

Centralidades e Transformações na Avenida Rio Verde em Goiânia

::link::
Dissertação de Mestrado Projeto e Cidade FAV / UFG

ANÁLISE DA CENTRALIDADE DA AVENIDA RIO VERDE – ALTERAÇÕES URBANAS PROVOCADAS POR UM POLO GERADOR DE VIAGENS

::link::
Esta investigação apresenta como objetivo caracterizar a região da Avenida Rio Verde, em uma área conurbada com Goiânia, descrevendo as alterações provocadas pela implantação de um Polo Gerador de Viagens (PGV) – Shopping Center – no ambiente urbano (uso e ocupação do solo urbano) e os impactos causados na acessibilidade à região. A pesquisa pretende averiguar se para este empreendimento analisado se aplica a hipótese comprovada por Kneib (2004, 2012) de que a implantação de um polo gerador de viagens atribui características de centralidade à sua área de influência. O estudo baseia-se na análise da ocupação do solo apresentando mapas para 1992, 2006 e 2014 com raio de 500 m. Para complementar a análise, procura avaliar a situação atual em dois panoramas: i) das atividades (caracterização do uso do solo atual); ii) e a acessibilidade, a partir da situação das vias do entorno, no aspecto fluidez e nível de serviço; e ainda do terminal de ônibus (transporte coletivo).

CENTRALIDADES E TRANSFORMAÇÕES NA AVENIDA RIO VERDE EM APARECIDA DE GOIÂNIA.

::link::
Esta dissertação apresenta o resultado da pesquisa realizada sobre a formação das centralidades do Município de Aparecida de Goiânia, sobretudo aquela localizada em uma região territorialmente periférica, em conurbação com o Município de Goiânia, a Capital, mas que se consolida como um dos principais subcentros do Município de Aparecida de Goiânia. Para tal, foram resgatados o desenvolvimento, a ocupação e a expansão territorial dos dois municípios, bem como o processo de metropolização que os envolve. Para a identificação das centralidades utilizou-se um método baseado em Especialistas. Somou-se ao método aplicado, o levantamento das características relacionadas ao subcentro da Avenida Rio Verde, quanto ao uso do solo, à acessibilidade e à geração de viagens. A análise considerou a influência sofrida pela implantação de grandes empreendimentos, os Polos Geradores de Viagens - PGV, que sempre impactam diretamente a formação destas centralidades e, consequentemente, determinam a mobilidade dos cidadãos e a acessibilidade à região. Palavras-Chave: Centralidades; Polos Geradores de Viagens, Conurbação, Uso do Solo.

IDENTIFICAÇÃO DOS SUBCENTROS DO MUNICÍPIO DE APARECIDA DE GOIÂNIA PELO MÉTODO DOS ESPECIALISTAS (MÉTODO DELPHI)

::link::
Essa pesquisa aborda a descrição e aplicação do método dos especialistas (Método Delphi) para a identificação dos subcentros do município de Aparecida de Goiânia e a definição dos diferentes graus de importância e influência no território urbano em que estão inseridas. A pesquisa possibilita uma análise espacial voltada para o planejamento urbano, mobilidade e transportes. O munícipio em análise encontra-se em conurbação com a capital, e incluído na Região Metropolitana de Goiânia, sendo realizada um abordagem dos temas: centralidades, conurbação, metropolização e planejamento urbano. Palavras Chave: Identificação de Subcentros, Método Especialistas, Centralidades, Planejamento Urbano.

COMO CARACTERIZAR A REGIÃO DE CONURBAÇÃO ENTRE OS MUNICÍPIOS DE GOIÂNIA E APARECIDA DE GOIÂNIA: PERIFERIA OU CENTRALIDADE

::link::
O crescimento espontâneo e irregular, não planejado e influenciado por diversos fatores externos à morfologia urbana de uma região, como renda, segregação espacial, especulação imobiliária, afetam diretamente a formação do espaço intra-urbano, com consequências em uma escala mais ampla e dinâmica, envolvendo o desenvolvimento urbano das cidades, e até mesmo entre cidades, envolvendo suas regiões periféricas, com formação de novas centralidades. Palavras-Chave: Periferias, Centralidades, Crescimento espontâneo.

CENTRALIDADES E MOBILIDADE URBANAS NO MUNICÍPIO DE SENADOR CANEDO: CARACTERIZAÇÃO DAS REGIÕES EM CONURBAÇÃO NO MUNÍPIO

::link::
Resumo aprovado para apresentação de Banner dos alunos de PR5 no SINASEC II

ANÁLISE DOS DISTRITOS INDUSTRIAIS DE SENADOR CANEDO: IMPACTOS POSITIVOS E NEGATIVOS NO PROCESSO DE TRANSFORMAÇÃO DO TERRITÓRIO URBANO

::link::
Trabalho dos Alunos de PR5 apresentado em modalidade Banner no SINASEC II.

ANÁLISE DA REDE URBANA FORMADA PELAS CIDADES DE GOIÂNIA-ANÁPOLIS-BRASÍLIA COM FOCO NA COLABORAÇÃO DA CIDADE DE ANÁPOLIS.

::link::
Este estudo pretende analisar o desenvolvimento da rede urbana das capitais do estado de Goiás e do Brasil (Goiânia e Brasília) e suas regiões de influência, dando ênfase na colaboração, crescimento e desenvolvimento da Cidade de Anápolis dentro dessa articulação. Para isso, faz-se necessário a citação dos principais conceitos ligados ao tema de Rede Urbana e a Teoria das Localidades Centrais, além do histórico de formação da rede brasileira com foco na gênese da rede do Centro-Oeste. Para tal, inicia-se com um breve histórico da cidade de Anápolis e conclui-se com o papel da mesma dentro da rede do Estado de Goiás.

ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE ZONEAMENTO URBANO: UMA ANÁLISE DE APARECIDA DE GOIÂNIA

::link::
O presente estudo procura descrever a importância da utilização de ferramentas práticas do planejamento urbano na caracterização e análise do espaço urbano, aqui destacado o instrumento urbanístico zoneamento e suas diferentes formas de aplicação. A pesquisa tem como estudo a cidade de Aparecida de Goiânia, município que se apresenta em conurbação com a capital, Goiânia, inserido na Região Metropolitana de Goiânia, cujo desenvolvimento é de destaque dentre os demais municípios integrantes. Procura-se descrever as formas de uso e ocupação do solo urbano predominantes, tendo como referências o Plano Diretor e a Lei de Uso e Ocupação do Solo.

PRINCIPAIS CONCEITOS E METODOLOGIA PARA REALIZAÇÃO DE EIT: ESTUDO DE CASO NO POLO INSTITUCIONAL DO SETOR BUENO – GOIÂNIA GOIÁS


PRINCIPAIS CONCEITOS E METODOLOGIA PARA REALIZAÇÃO DE ESTUDO DE IMPACTO NO TRÂNSITO (EIT): ESTUDO DO POLO INSTITUCIONAL FORMADO NO SETOR BUENO.

::link::
Descrever os principais conceitos para a realização de Estudo de Impacto no Trânsito de empreendimentos educacionais, com aplicação metodológica no Setor Bueno, em Goiânia, com análise do levantamento dos Polos Geradores de Viagens presentes na região de estudo.

CARACTERIZAÇÃO DO SURGIMENTO DE NOVAS CENTRALIDADES EM REGIÕES DE CONURBAÇÃO E A MOBILIDADE URBANA – ANÁLISE DA AVENIDA RIO VERDE (GOIÂNIA E APARECIDA DE GOIÂNIA)

::link::
Este trabalho consiste na realização de uma investigação do surgimento de novas centralidades, em regiões de conurbação, devendo-se, primeiramente, realizar o levantamento das características das regiões periféricas dos municípios envolvidos (uso e ocupação do solo, geração de viagens, infraestrutura urbana), se tornando indispensável uma análise do contexto de desenvolvimento, ocupação e expansão territorial dos mesmos, bem como a influência sofrida pela implantação de grandes empreendimentos (Pólos Geradores de Viagens), que impactam diretamente na formação destas centralidades e, portanto, na mobilidade dos cidadãos e acessibilidade à região. Palavras-chave | Centralidades; Conurbações; Uso do Solo; Mobilidade; Acessibilidade.

POLOS GERADORES DE VIAGENS, CENTRALIDADES E SEUS IMPACTOS NA MOBILIDADE URBANA

::link::
No contexto da mobilidade urbana e dos desafios inerentes às variáveis que a impactam e são por ela impactadas, o presente trabalho enfatiza a abordagem relacionada a alterações no uso, ocupação do solo e demandas por viagens, provocadas a partir da implantação de polos geradores de viagens – PGVs. Assim, apresenta-se a análise quantitativa das alterações ocorridas no entorno de um PGV específico, no médio prazo, e o impacto dessas alterações no número de viagens geradas e nos diferentes modos de transporte. Para tal, utiliza-se uma metodologia de análise espaço-temporal, com base em Sistemas de Informação Geográfica – SIG e Sensoriamento Remoto. Como resultados, conclui-se por uma forte influência do PGV em análise na formação e consolidação da centralidade analisada, assim como identificam-se e quantificam-se os impactos na mobilidade urbana relacionados à implantação do polo.

ANÁLISE DAS ALTERAÇÕES PROVOCADAS POR UM PÓLO GERADOR DE VIAGENS NA FORMAÇÃO DE NOVAS CENTRALIDADES.

::link::
O crescimento espontâneo, irregular, não planejado e influenciado por diversos fatores externos à morfologia urbana de uma região, como renda, segregação espacial, especulação imobiliária, afetam diretamente a formação do espaço intra-urbano, com conseqüências em uma escala mais ampla e dinâmica, envolvendo o desenvolvimento urbano das cidades, e até mesmo entre cidades, envolvendo suas regiões periféricas e conurbadas, com formação de novas centralidades. Essa pesquisa consiste em se fazer uma análise das regiões periféricas da cidade de Aparecida de Goiânia (ficando limitada neste estudo à Avenida Rio Verde, conurbada com a cidade de Goiânia), se tornando indispensável o contexto do desenvolvimento e fundação da capital Goiânia, sua expansão territorial, a formação da sua Região Metropolitana, e sobretudo, do contexto histórico da formação do município de Aparecida de Goiânia, que sofreu pela falta de planejamento urbano, com grande ocupação horizontal e territorial, marcada pelos grandes vazios urbanos e pela segregação espacial; mas que nas últimas décadas sofreu grandes transformações causadoras de uma reestruturação no meio ambiente urbano e espacial, com a formação de novas centralidades, com um aumento no índice de ocupação do solo e a consequente valorização fundiária. Neste caso específico, uma das centralidades aparecidenses se destaca por estar sob influência da conurbação com a capital, em específico, ao longo do principal eixo viário de Aparecida, divisa territorial com Goiânia: a Avenida Rio Verde. Para se chegar à caracterização de uma região como periferia ou centralidade faz-se necessário conhecer minimamente o conceito e desenvolvimento destes termos, referenciados no início deste trabalho. Palavras-chave | Periferias, Centralidades, Espaço Intra-urbado, Crescimento Espontâneo.


 

 

Copyrights © 2019 Equipe Internet - Todos direitos reservados.Universidade Católica de Goiás - Brasil
Av. Universitária 1.440 - Setor Universitário - Goiânia - GO - CEP 74605-010
anuncio